#

Brasília – O que fazer numa viagem a trabalho

Por Julie Ana Speedy

Muita gente costuma visitar a capital do nosso país a trabalho, como meu caso, que estive em Brasília por uma semana. Mesmo tendo pouco tempo para ver as atrações (basicamente só o finalzinho do dia), ainda dá pra se organizar e conhecer um pouquinho dos principais pontos turísticos da cidade:

O QUE VISITAR

ESPLANADA DOS MINISTÉRIOS

Dar uma olhada na principal e mais famosa via de Brasília é uma boa forma de conhecer um pouco da cidade.

Só é preciso tomar um pouco de cuidado pois Brasília não foi feita para pedestres (obrigada, Lúcio Costa! Agradeço também esse grande “favor” pelo bairro da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro). Fiz a “burrice” de andar até lá a partir do SCS (Setor Comercial Sul). Não é longe (muito pelo contrário! Menos de 2km!!! Apenas uns 20 minutos de caminhada), mas é muito complicado para o pedestre. Melhor realmente é pegar um táxi!


CATEDRAL DE BRASÍLIA

A lindíssima Catedral de Brasília (e possivelmente a sua construção mais bonita) é um dos símbolos da cidade, projeto do Niemeyer. São 40m de altura com 16 arcos de concreto armado circundados por um espelho d’água. Mas o melhor mesmo é o interior, com lindos vitrais e uma acústica maravilhosa. Não fiz o teste, mas dizem que quem sussurrar de um canto do prédio pode ser ouvido por quem estiver do outro canto!





PRAÇA DOS TRÊS PODERES: CONGRESSO NACIONAL, PALÁCIO DO ITAMARATY E PALÁCIO DO PLANALTO

Infelizmente não consegui ver o interior dos prédios, pois já estavam todos fechados na hora que saía do trabalho (por volta de 17hs).

O Congresso Nacional é o que considero o prédio “símbolo” de Brasília: Blocos em formato de H, com cúpulas de concreto: na convexa são realizadas as sessões da Câmara dos Deputados e na côncava as do Senado Federal.

O horário de visita ao público é bem restrito:

Câmara – de 2ª a 6ª, das 9h30 às 12h e das 14h30 às 16h30; sábados e domingos, das 9h às 13h (de hora em hora)
Senado – de 2ª a 6ª, das 9h às 11h30 e das 15h30 às 16h30; sábados e domingos, das 10h às 14h (de hora em hora)

O Palácio do Itamaraty é a sede do Ministério das Relações Exteriores. A visitação é de 2ª a 6ª, das 15hs às 17hs e fins-de-semana de 10 às 14hs.

O Palácio do Planalto é a sede do Poder Executivo (ou seja, onde o escritório do presidente). Esse não está aberto à visitação. Mas há troca de guarda a cada 2 horas e todas as sextas-feiras às 17h30, realiza-se a cerimônia de arreamento da bandeira com a presença de bandas e Dragões da Independência.

Todos os prédios são projeto do Niemeyer!



TORRE DE TV

No eixo monumental, lado oposto à Praça dos Três Poderes, fica uma das atrações mais bacanas da cidade: a Torre de TV. No topo, a 75 metros do solo, encontra-se um mirante, de onde se tem uma visão privilegiada da Espalanada dos Ministérios, Estádio de Brasília, entre outros. O acesso é por elevador.



PONTÕES DO LAGO SUL

Na minha opinião, é sem dúvida o lugar mais bonito de Brasília. É uma grande área com bares, restaurantes e jardins, na beira do Lago Paranoá.









ONDE COMER

Como grande parte da população de Brasília é feita de imigrantes de outros estados do Brasil, a culinária de lá é bem diversificada. Dá pra encontrar vários restaurantes com comida tradicional do Sul, de Minas Gerais, do Nordeste...

Na semana que estive lá fui em restaurantes no Pontões do Lago Sul e no Shopping Pátio Brasil, no Setor Comercial Sul, próximo ao trabalho. Ao redor do shopping só é preciso tomar bastante cuidado com assaltos, pois tem muitos pivetes (inclusive presenciei um roubo).


CLIMA

Brasília é conhecida pelo clima seco e baixa humidade relativa do ar, principalmente no inverno. Estive na cidade nessa época do ano e sofri demais com o clima! Garganta e nariz seco, desidratação e sensação de boca seca o tempo todo... Pra quem não está acostumado, é bom se preparar!


COMO CHEGAR

Táxi: Espere pagar entre R$30 e R$35 na corrida de um táxi do Aeroporto até o Setor Hoteleiro Sul, dependendo do dia e horário (Bandeira 1 e 2). Para o Setor Hoteleiro Norte, o valor será um pouco mais alto. Preços de Junho/2014. 
Postar um comentário

instagram @oguiadeferias