Planejando uma viagem com o bebê: 5 dicas essenciais

Quem nunca ouviu (ou repetiu) a frase: "vamos aproveitar para viajar agora, pois depois que vierem os filhos não vai ser mais possível...

Hospedagem em Santiago do Chile: Hotel Plaza el Bosque Ebro

Em agosto de 2016 aproveitamos os feriados por conta das Olimpíadas do Rio para ir a Santiago do Chile (e para que eu pudesse finalmente conhecer a neve!). 

Fomos com o nosso filho de quase 2 anos e a nossa prioridade era uma hospedagem confortável, bem localizada e que contasse com uma mini cozinha!

Confesso que sou uma mãe "meio chata" com relação à alimentação e estava impaciente, já que, nessa viagem, não poderia levar a comida dele, como já tinha feito em outras anteriores (para Búzios, SP da Serra, Gramado , e Tiradentes). Primeiro, por conta do tempo de viagem mais longo e, segundo, pois o Chile não aceita entrada de qualquer tipo de alimento perecível no país...

E as outras duas viagens internacionais que fizemos com ele (Inglaterra / País de Gales e Buenos Aires), ele ainda só mamava no peito então foi super tranquilo com relação à comida! #muitoprático

Depois de alguma pesquisa, acabamos escolhendo o Hotel Plaza el Bosque Ebro.



LOCALIZAÇÃO

Este é certamente um dos pontos altos do hotel, localizado na mais moderna área da cidade: Las Condes (que já está sendo carinhosamente apelidada de "Sanhattan", em referência à semelhança com o bairro de Nova York). 

Neste bairro estão localizados muitos restaurantes, cafés, praças, hotéis e empresas. E é onde está localizada a nova atração da cidade, o Shopping Costanera Center (e seu famoso mirante, que vou falar em um próximo post). 

O Plaza El Bosque Ebro fica a apenas 5 minutos de caminhada deste shopping, o que foi ótimo pra gente! Principalmente pelo fato do Costanera contar com uma mega unidade do Supermercado Jumbo. Passamos por lá 3 vezes durante a nossa semana na cidade para abastecer o apartamento/suíte (a primeira com mantimentos e as outras duas com vinho e bebidas - o preço das bebidas no frigobar do hotel era de chorar de tão caras!). 

Las Condes, onde o hotel está localizado

INSTALAÇÕES

O hotel possui ótimas instalações: um bar/restaurante no térreo, que funciona para o almoço e jantar; outro restaurante/bar no último andar (17º), onde é servido o café da manhã e também está aberto para o almoço e "happy hour". Os restaurantes são abertos para não hóspedes e a única refeição incluída na diária é o café da manhã. 



O Plaza El Bosque Ebro também conta com uma academia, que não chegamos a usar.

Mas o grande destaque, na minha opinião, fica por conta da piscina aquecida, também no último andar, com uma vista linda de Las Condes!






ACOMODAÇÕES (QUARTOS) 

Reservamos a "Suíte executiva" do hotel. Crianças com menos de 2 anos não pagam e eles colocaram um bercinho pra gente (mediante pedido prévio: enviei um e-mail para o hotel uma semana antes da hospedagem solicitando). 

O quarto era espaçoso, com dois ambientes separados por uma porta de correr. Um dos ambientes era um quarto de hotel "padrão", com a cama, guarda-roupa embutido, TV de tela plana, espelho e banheiro. O outro ambiente era uma sala de estar com um sofá, escrivaninha, mesa e cadeiras e uma mini cozinha equipada com microondas, geladeira, cooktop e alguns utensílios (panelas, escumadeiras, talheres, copos, pratos e um pano de prato que não foi reposto depois do 4º dia de hospedagem... #fezfalta). Ah! O hotel conta com wi-fi gratuito em todas as áreas, incluindo os quartos. 

O quarto também possuía aquecimento que deixou de funcionar na última noite =( Se a gente deixasse desligado, ficava frio no quarto, mas se ligava era um calor absurdo, ia sempre pro máximo (30ºC). A gente não estava mais conseguindo regular a temperatura. Como era a última noite, acabamos não reclamando. 



CAFÉ DA MANHÃ

O café da manhã, no estilo buffet, é muito bom. Porém, ao meu ver, é mais voltado para o público argentino/europeu com ovos mexidos, bacon e "medialunas" se sobressaindo no buffet. Então, para nós brasileiros, pode ser um pouco estranho. Eles não tem nenhuma opção de bolos, os pães são mais diferentes do que estamos acostumados (salvo o pão de forma) e as frutas então... Diariamente a maioria das opções eram frutas mais ácidas: abacaxi, kiwi, grapefruit (azeda que só!) e outras duas frutas que não sei nem o nome (experimentei mas também eram bem ácidas). 

O que "salvou" para o meu filho pequeno foi que eles ofereciam uma pequena cesta com meia dúzia de bananas e maçãs #amém 

Ah, claro, eles também tinham suco de laranja e queijos minas (!), prato e presunto. 

Mas confesso que aproveitei sim para experimentar alguns alimentos mais diferentes, como cereal de quinoa (a versão industrializada nada saudável com muito açúcar!) e suco de chirimoya uma fruta tradicional deles bem docinha. 

NOSSA EXPERIÊNCIA

Em geral, gostamos muito das instalações e recomendamos o hotel, mas tivemos momentos de estresse logo na chegada e na hora do check-out, com relação ao pagamento. 

Primeiro, uma semana antes de chegarmos ao hotel cobraram uma diária no cartão de crédito. Realmente não esperávamos, pois de acordo com o booking a reserva era sem pré-pagamento e, o mais importante, a gente queria pagar tudo em dinheiro (dólares) direto no hotel, para não ter que pagar o imposto de 19% que os residentes pagam. Mas enfim...

Pra piorar, logo no check-in fizeram a gente pagar no cartão de crédito um valor caução, que era superior à todo o valor da reserva!!! Não entendemos nada! Reclamamos, brigamos, mas a gente estava super cansado da viagem e acabamos pagando o tal depósito. 

No dia seguinte meu marido foi lá e reclamou com o atendente da recepção, que informou ter sido um equívoco do colega no dia anterior... O valor do depósito seria cancelado do cartão de crédito assim que a gente efetuasse o pagamento em dinheiro e eles não cobrariam os 19% de imposto. 

Na hora do check-out ainda tivemos mais desentendimentos e estresse, eles realmente tentaram nos cobrar a mais. Mas, no final, acabamos pagando o valor correto: a primeira diária no cartão de crédito e o restante em dinheiro (dólares). Não nos cobraram o imposto. 


RESERVAS

Para verificar os preços e realizar reserva, clique aqui.

Obs1.: Este post trata da nossa experiência verídica e real. NÃO é publipost.

Obs2.: O Blog faz parte do programa de parceiros do Booking.com. Ao efetuar uma reserva usando o link acima, o leitor contribui com o blog através de uma pequena comissão, sem nenhum custo extra.

Postar um comentário