#

Parque Nacional da Serra dos Órgãos - Petrópolis

Por Julie Speedy

No último feriado da Páscoa fomos para Petrópolis, na região Serrana do Rio. 

Em um dos dias, resolvemos aproveitar a natureza e o clima quente e ensolarado e fazer um passeio no Parque Nacional da Serra dos Órgãos.




O Parque tem sedes em 3 diferentes cidades da Serra fluminense: Guapimirim, Teresópolis (a maior e com melhor acessibilidade) e Petrópolis. 

A Sede Petrópolis fica afastada do Centro da cidade, a cerca de 40 minutos de carro. O trajeto passa por ruas estreitas e em um certo ponto pelo que parece uma pequena comunidade. Como moradores do Rio, a gente acaba ficando um pouco receoso, mas mesmo assim não me pareceu um local perigoso.  

A infraestrutura da Sede Petrópolis é bem pequena e rústica, conta com apenas 2 sanitários. Não possui lanchonete e não possui estacionamento.  

Um pouco antes da entrada do Parque, há duas opções de estacionamento, que cobram entre R$10 e R$15. Ambos ficam a uns 5-10 minutos de caminhada da entrada do Parque. São estacionamentos bem pequenos, portanto é importante chegar cedo. Chegamos pouco antes das 10h e ainda estava tranquilo para estacionar, mas quando saímos do Parque pouco após o meio-dia já não havia mais vagas. 


A Sede Petrópolis possui diversas trilhas, com diferentes níveis de dificuldade, que dão acesso a poços e cachoeiras. Como estávamos com duas crianças pequenas, optamos pela trilha classificada como mais leve, de cerca de 10 minutos de caminhada bem demarcada em meio à floresta. É uma trilha tranquila e compatível para crianças pequenas e idosos. Mas, claro, sempre com bastante atenção. 


Essa trilha passa por uma Floresta de bambus muito bonita e dá acesso ao Poço Paraíso, o mais conhecido e frequentado da Sede. Neste dia, havia várias famílias e um grupo de escoteiros mirins aproveitando o Poço, que por sinal é super gelado! 

Postar um comentário

instagram @oguiadeferias